Bitcoin cai e este é o melhor momento para investir


Depois de atingir um pico de quase US$ 20 mil em dezembro do ano passado, o bitcoin tem sofrido uma queda constante desde então. Nesta terça-feira (6) a criptomoeda tem seu valor abaixo dos US$ 6 mil, como consequência de preocupações sobre a regulamentação do mercado e investidores em pânico, levando ao desmoronamento das cotações.

Especialistas em criptomoedas afirmam que, apesar da turbulência, os investidores devem manter-se firmes e entenderem a volatilidade do mercado como uma situação normal no universo das moedas digitais. 

Apesar da alta significativa do bitcoin em dezembro de 2017, a criptomoeda teve em média uma queda brusca, maior que 20%, a cada trimestre, 12 quedas maiores que 30%, 7 quedas acima dos 40% e até 3 quedas maiores que 50% nos últimos 4 anos. Ou seja, é simplesmente um característica do mercado, que até o momento sempre se recuperou e superou o valor máximo anterior.

Além disso, este seria um ótimo momento para comprar criptomoedas, principalmente para investidores brasileiros, já que a diferença entre o preço do bitcoin em dólar e real está em um nível muito baixo.

Em uma visão de longo prazo, o Bitcoin permanece subindo, visto que seu preço hoje é ainda maior do que era há 3 meses atrás. Após um longo período, inicia-se um momento onde há mais vantagens do que desvantagens em investir em bitcoins, pois o cenário começa a beneficiar quem está comprando criptomoedas.

Por fim, comprando bitcoins, também é possível aproveitar os preços de outras critomoedas e criar uma carteira diversificada.